Notícias

Colchões para a Escola Miquelina Moreira dos Santos voltam a ser abordados pelo vereador Machadinho

08/03/2018 14:44

 “Apenas 12 dos 20 colchões para a Escola Municipal Miquelina Moreira dos Santos chegaram”, disse o vereador Machadinho (AVANTE), na Palavra Livre de 5 de março. Em fevereiro, ele havia comentado em plenário a informação de que os colchões estavam recebendo capas protetoras para, em breve, serem encaminhados à escola, porém, ele não citou a quantidade, acreditando na totalidade requerida. 

Machadinho disse que irá se reunir com pais de alunos da escola e, por meio de indicação protocolada, irá pedir informações sobre os motivos de apenas 12 dos 20 colchões terem chegado e a previsão para aquisição dos demais tendo em vista que, desde 2017, tem reiterado providências à Secretaria Municipal de Educação (Semed) para a troca dos colchões que estavam em péssimo estado, prejudicando a saúde das crianças.  
Ainda em relação à área de educação, Machadinho destacou que, em conversa com a secretária municipal de Educação, Fernanda Ribeiro, foi informado de que o telhado da Escola Municipal Otávio Soares, no Centro, será todo reformado, dando fim aos vazamentos existente há 12 anos.
Quanto à capina, o vereador anunciou sua chegada no bairro Sumaré, mas não pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam). Por meio de fotos, mostrou uma escadaria repleta de mato. Cansado de esperar, um morador decidiu realizar o serviço. “Isso não pode virar moda senão a própria administração vai acostumar e, daqui a pouco, todos os bairros serão roçados por seus moradores”, disse Machadinho parabenizando a atitude do morador, porém, ressaltando a existência de diversos pedidos de limpeza e de capina feitos em plenário e levados ao conhecimento do Executivo para providências.
 O presidente da Mesa Diretora, Leo Moreira (PSB) comentou o fato e ressaltou o ato do morador de cuidar do município, salientando que esta atitude de pertencimento, deveria se expandir para outras áreas e atingir mais pessoas. 
Machadinho também solicitou ao Executivo, mais agilidade na obra na Casa da Memória, localizada atrás da Igreja de São Sebastião, no Centro. A reforma se arrasta há anos e já foi motivo de diversas indicações dos vereadores. A última foi em outubro de 2017, quando o vereador Hermano (PT) requereu, por meio de indicação protocolada, informações do que havia sido feito até o momento e o que faltava para sua conclusão. O local já sediou a Secretaria Municipal de Cultura na gestão 2005/08.
Ao Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), o vereador Machadinho cobrou os redutores de velocidade no Primeiro de Maio. Há alguns meses, ele e o diretor do departamento, Lucas Maciel, percorreram algumas ruas do bairro para avaliarem a situação, porém, até o momento, não houve nenhuma intervenção e os moradores têm cobrado já que vários veículos passam em alta velocidade nas ruas.
 

Local já sediou a Secretaria Municipal de Cultura

É IMPORTANTE QUE VOCÊ PARTICIPE
E MANTENHA-SE INFORMADO!

Horário de Funcionamento

Segunda a Sexta-Feira

das 12:00h às 18:00h

camara@camarapontenova.mg.gov.br

(31) 3819-3250

Av. Dr. Cristiano de Freitas Castro, 74

Centro, CEP: 35430-037

Ponte Nova - Minas Gerais